Rotaer Eletrônico

Entre em contato com o Rotor Central.

sábado, 5 de março de 2011

“Helicópteros da Rússia” na Exposição “Heli-Expo” nos Estados Unidos

image

A construtora “Helicópteros da Rússia” apresenta na feira aeronáutica “Heli-Expo”, inaugurada hoje, 5 de março em Orlando, Estado da Flórida, os modelos mais interessantes aceitos não somente no mercado norte-americano. Pedimos a Román Kiríllov, porta-voz dessa holding russa, para falar sobre alguns espécimes expostos no evento, suas caraterísticas e performances.

Os aparelhos russos tipo “Mi-8/17” aparecem entre as máquinas mais requisitadas no mundo nessa classe de helicópteros. A holding “Helicópteros da Rússia” fecha contratos para fornecimento de tais máquinas a países da América Central e América do Sul, membros da Comunidade de Estados Pós-Soviéticos, assim como à África, Ásia e ao Próximo Oriente – relata Román Kiríllov. Graças às suas altas performances operacionais, sua capacidade de trabalhar seguramente com elevado teor de umidade e empoeiramento, grande altitude de voo e grande capacidade de carga útil, essas máquinas são amplamente usadas para realização das mais diversas missões em várias regiões do mundo. Por exemplo, uns “Mi-17” participaram nas operações de resgate realizadas no território dos Estados Unidos durante a horrorosa enchente ocorrida em 2005 na cidade de Nova Orleães.

Vale notar que a presença na “Heli-Expo 2011” não se limita em absoluto á ideia de promover helicópteros russos somente no mercado norte-americano. Segundo o diretor-geral da holding, Dmitri Petrov, a companhia “Helicópteros da Rússia” continua ampliando as relações já existentes com seus sócios na América do Sul, estando, portanto, interessada em novos contatos. Estamos participando pela segunda vez na feira “Heli-Expo” e tstemunhamos um interesse crescente manifestado por representantes de vários países da América Latina em relação a helicópteros de fabrico russo.

Agora, umas palavras sobre um outro modelo a suscitar igual interesse entre os especialistas estrangeiros. Román Kiríllov continua seu relato:

Quando ao outro helicóptero russo versátil “Ka-32A11BC”, com um sistema coaxial de hélices de sustentação, já ganhou certificados de prontidão para voo em diversos países da América, Ásia e Europa. A máquina possui grandes potencialidades no combate ao fogo, sobretudo em regiões montanhosas ou em andares superiores de arranha-ceus, sendo dotada em tais casos de equipamentos criados para extinção horizontal de incêndios. Esse helicóptero é também amplamente usado para transporte de cargas em suportes exteriores e como guindaste na montagem de estruturas complexas a grande altura.

Na América Latina, sobretudo no Chile e no México, essas máquinas ajudam na extinção de incêndios, sendo ativamente usadas no Brasil e no Peru em obras de desenvolvimento infraestrutural de unidades industriais.

Mais um helicóptero: “Ka-226T”, da categoria leve, é uma proposta especial para os sócios sul-americanos. Esse modelo com esquema coaxial das hélices de sustentação está equipado com dois motores de turbina a gás “Arrius 2G1”, construídos pela companhia francesa “Turbomeca” e com o redutor russo “BP-226H”. Essa solução técnica proporciona ao “Ka-226T” uma elevada segurança de voo, pois mesmo com um motor funcionando a máquina possui uma reserva de potência suficiente para as manobras. Destina-se a umas operações especiais, sobretudo a voos na atmosfera rarefeita de zonas montanhosas. O modelo em apreço é um dos mais seguros e ecológicos em sua classe, caraterística essa especialmente importante para o mercado sul-americano, considerando a necessidade de um cuidado especial em relação às florestas-relíquias únicas dessa região.

A versão modificada do helicóptero leve “Mi-34C1”, também exibida na feira, está em fase final de desenvolvimento, estando o primeiro voo público previsto para meados deste ano. Na opinião dos especialistas da holding, o “Mi-34C1” tem chances de se tornar um helicóptero popular na aviação esportiva por ser uma das poucas máquinas de sua classe capaz de executar figuras de acrobacia aérea.

Uma linha mestra de fomento à ação negocial da holding “Helicópteros da Rússia” é a criação de um sistema internacional de centros para manutenção pós-venda e apoio técnico aos helicópteros de fabrico russo em diversos países do mundo.

Fonte: Voz da Russia

0 comentários:

Postar um comentário

Radar ADS-B localizado em Itajaí-Sc alcance raio de 320 Km

Radar ADS-B ModeSMixer2

METEOROLOGIA